3 motivos para criar um blog corporativo

3 motivos para criar um blog corporativo


Conheça as vantagens de incorporar essa ferramenta na sua estratégia de Marketing Digital.

 

Com tantas redes sociais que fazem parte do nosso cotidiano atualmente, é comum pensar que talvez o blog já não seja mais tão eficaz na comunicação entre marca e público.

Porém, o blog ainda é uma ferramenta que, se utilizada com um olhar estratégico e criativo, pode render diversos benefícios para sua empresa que outras plataformas não oferecem de maneira tão eficiente.

 

Neste artigo, nós da Akademy iremos lhe apresentar algumas das principais razões pelas quais você deveria considerar a ideia de começar um blog corporativo.

 

1- Gerar autoridade

 

Gerar autoridade online significa tornar seu negócio uma referência no seu nicho. Um blog é uma ótima forma de mostrar que você entende do assunto com o que trabalha, pois você pode abordar diferentes recortes do seu nicho e demonstrar todo seu conhecimento sobre a área.

Investindo num blog, é possível criar uma relação de confiança com o público, que vai pensar imediatamente na sua marca quando precisar de um produto ou serviço do seu nicho.

Ao criar conteúdo de valor para seu blog e gerar autoridade no seu ramo, é possível gerar mais visitas, maior engajamento do público, mais conversões e por fim, mais vendas.

 

2- Educar o público

 

Um blog é uma ferramenta que está inserida no topo do funil de vendas, por estar longe da decisão de compra e focado em resolver o problema do cliente.

Muitas vezes, as pessoas podem conhecer seu blog num momento em que estão procurando resolver um problema, e não procurando por um produto ou serviço. Sendo assim, o blog é um mecanismo que pode e deve ser utilizado para educar o seu público, e eventualmente, captar mais leads.

Educar o público significa torná-lo mais instruído sobre a sua área de atuação e mostrar para ele que sua empresa oferece mais do que um produto, mas uma solução para suas dores.

Se ainda quiser se aprofundar no estudo de funis de vendas após ler este artigo, confira nosso post detalhado sobre o assunto.

 

3- É um investimento de baixo custo

 

Como blogs oferecem diversas possibilidades de gerar leads, autoridade e empatia com o público, você pode pensar que eles são ferramentas muito caras, mas é aí que você se engana!

O custo-benefício faz valer a pena o investimento nessa ferramenta, seja mantendo o blog produzindo seu próprio conteúdo ou contratando profissionais para gerenciar esse trabalho para você.

Com um sistema de rankeamento SEO, é possível trazer um retorno muito positivo para seu blog, tanto em engajamento quanto em leads. O SEO engloba melhorias que podem ser feitas na estrutura e/ou no conteúdo de uma página para ganhar posições nos resultados de busca, fazendo com que seu blog apareça nas primeiras páginas dos buscadores quando um usuário fizer pesquisas sobre seu nicho.

Em relação ao investimento financeiro, o blog se mostra como uma alternativa mais rentável do que os anúncios do Google AdSense, por exemplo. O investimento inicial no AdSense é menor porém seu retorno é limitado, enquanto o retorno oferecido pelo blog pode não ser imediato, mas é contínuo e duradouro.

Todos esses detalhes ressaltam que o blog pode ser uma alternativa para construção de audiência melhor do que as redes sociais. Afinal, o blog é um canal próprio e quase 100% personalizável, enquanto as redes sociais são plataformas mais limitadas e não oferecem quase nenhum diferencial entre seus usuários.

 

Que bom que você continuou conosco até o fim do post! Pois além desses motivos, ainda trouxemos 3 dicas importantes para que você possa começar seu blog profissional.

 

Para ter alta visibilidade, um blog deve ser de fácil consumo, ou seja:

a- Adequar sua linguagem para a sua persona, de maneira que ela seja técnica e específica ou simples e informal, de acordo com a persona e sua área de atuação. Usar linguagens inadequadas pode espantar seu público e passar uma imagem oposta à que você definiu para a sua marca;

b- Desenvolver posts entre 800 e 1000 palavras, de maneira que possam sanar as dúvidas e problemas de quem acessar seus artigos em busca de informações sobre seu nicho;

c- Ter um layout responsivo, o que significa que ele se adapta de acordo com o dispositivo que o usuário está usando para acessá-lo. Blogs que só funcionam bem em computadores ou notebooks, tendem a receber menos acessos, já que a cada ano cresce mais o número de pessoas que acessam a internet apenas pelo celular.

Isso demonstra preocupação da marca com a experiência do usuário!

 

Agora, aproveite e visite outros posts no nosso blog para se inspirar e dar o primeiro passo em direção ao desenvolvimento do seu Marketing digital!

 

Se ao fim deste post você se sentiu inspirado(a) à dar o primeiro passo em direção ao seu blog, conte com a Akademy para te auxiliar em todas as etapas desse processo, desde criação, passando por gerenciamento e impulsionamento.
Entre em contato conosco e ficaremos felizes em lhe atender!